quarta-feira, 27 de agosto de 2014

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Saber rir é necessário

Saber rir é necessário 

Certa vez dentro do ônibus-coletivo um senhor de idade falou pra mim:
- Senhora me deixe levar seu livro?
- Não senhor, acabei de pegar emprestado, não posso dar para o senhor não.
- Senhora estou pedindo para segurar, não é pra levar pra casa não.
-Eta! Desculpe,estava distraída. - E comecei a ri e todos que estavam do meu lado também!
 Como nos guia o escritor Victor Hugo “A gargalhada é o sol que varre o inverno do rosto humano.”




sexta-feira, 8 de agosto de 2014

SÚPLICA DE UM IDOSO


(Visitando o escritor
Carlos Tadeu e mostrando pra ele os recursos que uso para contar histórias)
Ps-Tadeu é surdo,se comunica através da escrita.
                                           
SÚPLICA DE UM IDOSO

Meu filho, se meu andar é hesitante, se minhas mãos são tremulas,ampare-me.
Se minha audição não é boa, se tenho de esforçar-me para ouvir o que est´dizendo,procure-me entender-me.
Se minha visão é imperfeita, se meu entendimento é demorado, ajude-me com paciência.
Se minhas mãos tremem, se derrubo comida na mesa ou no chão, por favor, não se irrite,tentei fazer o melhor que pude.
Se você me encontrar na rua, não faça de conta que não me viu: para e me dê um bom dia, eu me acho só.
Se você, na sua sensibilidade, me ver triste e calado, sorria pra mim, ficarei feliz.
Se lhe contei pela terceira vez a mesma história, num dia só,não me repreeenda,simplesmente ouça como se fosse a primeira vez.
Se me irrito facilmente, não me diga que sou ranzinza, apenas me perdoe em silencio.
Se me comporto como criança, cerque-me de carinho.
Se estou doente, se sou um peso para você, por favor, não me abandone; se estou com medo da morte,ajude-me a preparar meu ultimo adeus.

De Padre Thomaz de Aquino Prata

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Contar Histórias

"Contar Histórias é saber criar um ambiente de encantamento,suspense,surpresa e emoção,no qual enredo e personagem ganham vida,transformando tanto o narrador como o ouvinte."
Do livro: O Incentivo a Leitura através da arte de contar histórias de Claudia Stocker
Foto nº 1-Colégio Liceu com o Grupo Hannah


                          Escola Estadual Agda Fontes no Trem Azul,UAI!

domingo, 3 de agosto de 2014

Ame a história que vai contar

"É de fundamental importância que, ao contar uma história, você tenha certeza de tê-la amado já a primeira vista, porque tudo se tornará mais fácil: a captação da mensagem, a emoção a ser passada, a naturalidade, a credibilidade, o ritmo, a facilidade de memorização. Tudo flui com maior espontaneidade quando você conta uma história que, em seu coração, já foi sentida com toda emoção necessária; que você internalizou, acolheu e amou."Do livro: A magia da Arte de Contar Histórias do escritor e contador de histórias Antenor  Aguiar



                            Grupo Prosarte no Hospital Único de Sergipe: HUSE