quarta-feira, 29 de abril de 2015

Lar Santa Zita visitando o Trem Azul-UAI/Abril de 2015

”Não importa se a contação é para instruir ou divertir,para curar,salvar ou fazer dormir.O que não pode esquecer é que o contador tem nas mãos ,ou melhor na sua voz,um produto oriundo do imaginário dos nossos antepassados.Se quisermos nos apropriar dele para encantar é necessário termos consciência de que o amor é uma virtude e seu uso uma alegria.”
Do livro O Incentivo à leitura através da arte de contar história de Claudia Stocker





Nenhum comentário:

Postar um comentário